Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

babidibupi

Alegria. Amigos. Família. Faculdade. Livros. Música. Viagens. Amores. Futilidades. Desabafos. Tudo e mais alguma coisa. Babidibupi!

babidibupi

16
Fev18

Está-se a compor

Se me puser a pensar no assunto digo-vos que estou a ter um ano de m€rd@. Mas, estava aqui a folhear  a minha agenda/diário/livro de registos da minha vida e pensamentos e não pude deixar de reparar que não é bem assim. A vida é o que acontece enquanto estamos a fazer planos grandiosos, e se eu os puser um bocadinho de parte apercebo-me que a minha está a ser do caraças! Estou longe de onde quero estar um dia (e sinto que vai haver sempre mais e mais) , mas para lá caminho. 

13
Fev18

5 anos e 1 dia

Na verdade a MP nasceu a 28 de Agosto de 2012. Esteve online uns seis meses com o Myerasmuslife, que agora está privado e renasceu com o babidibipi quando voltou ao Porto.

Hoje em dia não tenho nada em comum com aquela MP, sou uma pessoa nova todos os dias. Já não venho aqui com a mesma frequência (escrever.. porque ler-vos tento vir todos os dias). Há muitas pessoas que por aqui passavam que já se evaporaram. Mas ainda assim sobrevivi a mais um ano!!!! E tenho que agradecer publicamente às três ou quatro pessoas que apessr dos meus desaparecimentos longos me vem ler e tem sempre uma palavra bonita para s meus desabafos. 

 

São cinco anos. Meia década. Uma vida. Venham mais cinco!

02
Fev18

Reflexões

Estou a ir a para casa depois de um longo dia de trabalho e de lazer. É sexta feira e tive uma semana longa. E dou por mim, embriagada de cansaço,  a refletir na vida. Por muito que me doa (e ainda dói muito) ter mudado de trabalho foi a melhor coisa que eu fiz na vida.

É muito estranho esta coisa de doer quando fui eu que quis sair mas sinto que foi uma espécie de relação falhada. Muito por culpa de quem eu era quando comecei e de quem eu fui descobrindo que sou. E quando se acaba uma relação que teve muito amor,  mas também muito investimento emocional para tentar que funcione,  é sempre preciso tempo...

Mas sinto que estou no meu caminho. Ainda não sei o destino final, nem sequer se passa por onde estou agora, mas sei que eventualmente vou lá chegar. E vou ter um imenso orgulho na pessoa que lá chegar.